Sobre a loja

A Didática SP comercializa artigos e equipamentos para laboratórios. Concentramos nossos esforços no atendimento a escolas, faculdades, universidades e pesquisadores de todo o Brasil. Com sede na cidade de Guarulhos estado de São Paulo, atendemos a todo território nacional.

AGAR M-ENDO LES 500G

Código: 7724A Marca:
R$ 661,66
Orçamento Estoque: 25 dias úteis

Ágar m-Endo.

Utilizado para a contagem de coliformes em água através de filtração por membrana.

Princípios do Procedimento:


Triptose, Digestão Enzimática de Caseína e Digestão Enzimática de Tecido Animal fornecem nitrogênio, carbono e minerais no Ágar m-Endo. Extrato de Levedura é a fonte de vitaminas e microelementos para estimular o crescimento bacteriano. Fosfatos de Potássio são os agentes tamponantes. Cloreto de Sódio mantém o equilíbrio osmótico do meio. Lactose serve como a fonte de carboidrato. Lauril Sulfato de Sódio e Desoxicolato de Sódio são os agentes seletivos utilizados para inibir bactérias Gram-positivas. Fucsina Básica é o indicador de pH. Sulfito de Sódio é adicionado na descoloração da solução de Fucsina Básica. Etanol auxilia na homogeneidade da solução e também age como um agente seletivo. Ágar é o agente solidificante.


Colônias lactose-positivas exibem a cor vermelha causada pela reação de aldeído com o sulfito de sódio e a fucsina básica. O desenvolvimento de um brilho metálico ocorre quando os organismos produzem aldeídos com a fermentação da lactose. Bactérias que não fermentam a lactose formam colônias transparentes e incolores.

 

Fórmula: Litro Suplemento:
Lactose 9,4g
Triptose 7,5g
Digestão Enzimática de Caseína 3,7g
Digestão Enzimática de Tecido Animal 3,7g
Cloreto de Sódio 3,7g
Fosfato de Potássio, dibásico 3,3g
Sulfito de Sódio 1,6g
Extrato de Levedura 1,2g
Fosfato de Potássio, monobásico 1,0g
Fucsina Básica 0,8g
Desoxicolato de Sódio 0,1g
Lauril Sulfato de Sódio 0,05g
Ágar 15g
pH Final: 7,2 ± 0,2 a 25ºC

 

Precauções:

  • Somente para o uso em laboratório;
  • Prejudicial se ingerido, inalado ou absorvido através da pele. Pode causar reação alérgica e dificuldade de respiração em indivíduos sensíveis. Pode causar irritação da pele, olhos e sistema respiratório. Possível carcinogênico.

Modo de Preparo:

  • Suspenda 51g do meio em 1L de água purificada contendo 20mL de Etanol não desnaturado;
  • Aqueça, agitando frequentemente e ferva para dissolver completamente o meio;
  • Evite o superaquecimento. NÃO AUTOCLAVE.

 

Especificações de Controle de Qualidade:

Aparência do meio:

  • Aparência Desidratado: O pó é homogêneo, fluxo livre e roxo claro;
  • Aparência Preparado: O meio preparado é vermelho a roxo e pode apresentar uma leve turvação.

Resposta Esperada de Cultivo: incubado aerobicamente em ambiente úmido a 35 ± 2ºC e observado para crescimento após 18–24 horas.

 

Micro-organismo: Inóculo Aproximado:  Crescimento: Reação:
Escherichia coli ATCC 25922 10–100 Bom a excelente Verde, brilho metálico
Enterobacter aerogenes ATCC 13048 10–100 Bom a excelente Verde, brilho metálico
Salmonella typhimurium ATCC 14028 10–100 Bom a excelente Rosa a vermelho
Staphylococcus aureus ATCC 25923 > 1000 Inibido ---

Os organismos listados são os mínimos que devem ser avaliados para o teste de controle de qualidade.

 


Procedimento do Teste:

Método de Enriquecimento:

  1. Inverta a placa e coloque um pad absorvente na tampa da placa de Petri;
  2. Adicione 1,8–2,2 mL de Caldo Lauril Triptose em cada pad;
  3. Coloque uma membrana, por onde a amostra passou, sobre o pad contendo o Caldo Lauril Triptose;
  4. Incube aerobicamente por 1,5 a 2 horas a 35ºC;
  5. Transfira a membrana incubada do pad com o Caldo Lauril Triptose para um novo pad contendo 1,8–2,0mL de Ágar m-Endo. Prossiga com o Método de Único Passo, Etapa 4.

Método Único Passo:

  1. Coloque um pad absorvente dentro de uma placa de Petri estéril de 60mm;
  2. Adicione 1,8–2,0mL de Caldo m-Endo em cada pad;
  3. Filtre a amostra através de uma membrana;
  4. Coloque a membrana com a face superior voltada para cima no pad de forma a evitar bolhas;
  5. Incube aerobicamente em uma posição invertida por 20–24 horas a 35 ± 0,5ºC;
  6. Observe e conte todas as colônias vermelhas com brilho metálico.

Resultados:
Após a incubação, observe as membranas para a presença de colônias coloridas. Todas as colônias vermelhas com brilho metálico são coliformes. O brilho metálico dourado esverdeado pode cobrir toda ou parte da colônia. Registre a densidade de coliformes em termos de coliforme total / 100mL.

Armazenamento:
Armazene o frasco contendo o meio desidratado entre 2–30°C. Proteja contra a umidade e luz.

Validade:
Refira-se à data de validade no frasco. O meio desidratado deve ser descartado se não fluir livremente ou se houver mudança na coloração original. A validade se aplica ao meio em sua embalagem intacta quando armazenado como indicado.

Limitações do Procedimento:

  1. Se o inóculo for muito pesado, o brilho pode ser oprimido;
  2. Ocasionalmente, organismos não coliformes podem produzir colônias típicas brilhosas. Coliformes podem também, ocasionalmente, produzir colônias atípicas, incluindo vermelho escuro ou colônias nucleadas sem brilho. 

Produtos relacionados

R$ 661,66
Orçamento Estoque: 25 dias úteis
Sobre a loja

A Didática SP comercializa artigos e equipamentos para laboratórios. Concentramos nossos esforços no atendimento a escolas, faculdades, universidades e pesquisadores de todo o Brasil. Com sede na cidade de Guarulhos estado de São Paulo, atendemos a todo território nacional.

Social
Selos
  • Site Seguro

DIDÁTICA ARTIGOS PARA LABORATÓRIO LTDA - CNPJ: 24.183.639/0001-18 © Todos os direitos reservados. 2019